Sem categoria

Lp Danças Gaúchas, de Inezita Barroso  escrito em segunda 13 outubro 2008 22:32

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, Lp Danças Gaúchas, de Inezita Barroso

A cantora Inezita Barroso, hoje apresentadora do programa “Viola, minha viola”, na TV Cultura, caracterizou-se por enfocar em seu trabalho de intérprete especialmente a música caipira da região sudeste. Gravou este disco com diversas danças gaúchas, com a “assessoria” de Barbosa Lessa e outros ícones do nosso movimento regionalista, pesquisadores incansáveis das origens da música gaúcha, e cujas iniciativas desembocaram no MTG (Movimento de Tradição Gaúcha). É curioso notar que, antes do chamado “boom” do nativismo, a partir especialmente dos anos 70, a música gaúcha folclórica ou popular campeira era, em termos de indústria fonográfica, inserida no nicho “sertanejo”. Há diversos Lps dos anos 50/60 e até 70, notadamente em coletâneas, em que Teixeirinha, Gildo de Freitas, dentre outros ícones gaúchos que conseguiram projeção, em maior ou menor medida, no mercado nacional, são “descritos” como sertanejos, e não como “gaúchos”.

Lp dos Discocuecas  escrito em segunda 13 outubro 2008 22:36

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, Lp dos Discocuecas

“Os Discocuecas” foi o principal grupo gaúcho de todos os tempos em termos da mistura de música com humor. Formado por Beto Roncaferro, Gilberto Travi (recentemente falecido), João Antônio (Toninho Badaró) e Mestre Júlio (Júlio Fürst), os Discocuecas tiveram uma bela carreira discográfica (veja outras capas de discos deles no blog), apresentando-se nos principais programas de auditório da época (Chacrinha, Bolinha, e por aí vai). Além, é claro, dos shows ao vivo, em que podiam desfilar em sua plenitude a sua veia humorística, e dos programas de rádio (primeiro dentro do próprio programa do Mr. Lee, na Rádio Continental AM, depois na Rádio Gaúcha AM, na “Radionada Esportiva”, que eu escutava sempre antes dos jogos do colorado. As propagandas que fizeram na TV também são clássicas, tal como aquela da JH Santos (ou será Imcosul?), em que tentam entrar em um ônibus de linha lotado cheios de malas. Eternos Discocuecas!!!

LP Dedé e os ajudantes  escrito em segunda 13 outubro 2008 22:39

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP Dedé e os ajudantes

Formado em torno do cantor e compositor Dedé Moreno, este grupo do final dos anos 80 reunia grandes “cobras” da cena musical gaúcha, tais como Renato Mujeiko (ex-Álibi)/Zé Natálio (atual Papas da Língua, baixo), Paulinho Supekóvia (ex-Cheiro de Vida, na guitarra), na bateria Bebeto Mohr (Bandaliera)/Edinho Espíndola (ex-Liverpool, Bixo da Seda/Frenéticas)/Mano Gomes (Delicatessen), e Cau Netto (Papas da Língua) nos teclados, fazendo um som pop dançante, que fez bastante sucesso, especialmente com o “Funk da Captura”, que rodou muito em rádios como a Atlântida FM.  Dedé,  em meados dos anos 90 adotou o nome artístico de “Jah Mai”, com o qual fez sucesso, igualmente na praia pop, mas com ênfase no reggae,  especialmente no período de lançamento de seu CD pela gravadora paulista Paradoxx…chegou a lançar outro CD pela Indie Records. Atualmente Dedé (MC Jah Mai) vem atuando em festas e eventos no segmento black/funk/hap de Porto Alegre.

LP O Brasil canta no Rio  escrito em segunda 13 outubro 2008 17:42

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP O Brasil canta no Rio

Lp do Festival da Excelsior, o Brasil Canta no Rio, com gravações de Túlio Piva e Raul Ellwanger

LP Projeto Cantares  escrito em segunda 13 outubro 2008 17:45

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP Projeto Cantares
Anúncios
Padrão
Sem categoria

lp do Galileu Arruda

LP de Colombo Cruz  escrito em segunda 13 outubro 2008 22:18

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP de Colombo Cruz

Colombo Cruz era um cantor, se não me engano, de Santa Maria. Lançou o seu disco na capital em um show bem produzido, com banda, no auditório da Assembléia Legislativa, lá por 84, ao qual compareci. MPB bem feita.

LP do Galileu Arruda  escrito em segunda 13 outubro 2008 22:21

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP do Galileu Arruda

Galileu Arruda gravou este disco acompanhado pela banda Cheiro de Vida. É um dos grandes nomes da MPG, sem dúvida.

LP do Impacto  escrito em segunda 13 outubro 2008 17:23

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP do Impacto

Lp Hallai  escrito em terça 14 outubro 2008 03:28

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, Lp Hallai

O Hallai (ou Hallai Hallai) lançou este LP em 1987 pela 3M (Scotch) discos, uma gravadora de São Paulo que, embora tenha tido no cast nomes consagrados (Gilliard, Dalto, etc.), não conseguiu dar continuidade ao projeto. É a mesma Scotch das fitas cassete, e hoje apenas das fitas durex. O grupo, nos anos 70, ganhou grande destaque como uma das atrações dos Concertos Vivendo a Vida de Lee, e no programa do Mr. Lee, na Rádio Continental. Em 1983 a banda havia lançado um compacto, gravado aqui em POA. Posteriormente, por ocasião da gravação do LP, a banda radicou-se em SAMPA. Posteriormente, Jorge Vargas voltou a POA, onde montou a banda Cavalo Doido, a qual já lançou dois CDs. O Hallai, sem dúvida, foi um dos grandes grupos dos anos 70/80, do segmento country-folk rock.

LP do Cigano  escrito em segunda 13 outubro 2008 22:30

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP do Cigano

Cigano (Durgue Costa) é um cantor que começou nos anos 60, sendo uma verdadeira lenda da noite portoalegrense, pois tocou em inúmeros bares de destaque como músico da casa. Influenciado inicialmente por Roberto Carlos e a jovem guarda, o cantor reúne influências diversas, de samba, samba-rock, soul, etc. Seu grande sucesso foi a canção “Porto City”, feita em homenagem a Porto Alegre. Até recentemente mantinha o seu próprio bar, o Bar do Cigano.

Padrão
Sem categoria

LP de Colombo Cruz  escrito em segunda 13 outubro 2008 22:18

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP de Colombo Cruz

Colombo Cruz era um cantor, se não me engano, de Santa Maria. Lançou o seu disco na capital em um show bem produzido, com banda, no auditório da Assembléia Legislativa, lá por 84, ao qual compareci. MPB bem feita.

permalink

LP do Galileu Arruda  escrito em segunda 13 outubro 2008 22:21

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP do Galileu Arruda

Galileu Arruda gravou este disco acompanhado pela banda Cheiro de Vida. É um dos grandes nomes da MPG, sem dúvida.

permalink

LP do Impacto  escrito em segunda 13 outubro 2008 17:23

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP do Impacto

permalink

Lp Hallai  escrito em terça 14 outubro 2008 03:28

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, Lp Hallai

O Hallai (ou Hallai Hallai) lançou este LP em 1987 pela 3M (Scotch) discos, uma gravadora de São Paulo que, embora tenha tido no cast nomes consagrados (Gilliard, Dalto, etc.), não conseguiu dar continuidade ao projeto. É a mesma Scotch das fitas cassete, e hoje apenas das fitas durex. O grupo, nos anos 70, ganhou grande destaque como uma das atrações dos Concertos Vivendo a Vida de Lee, e no programa do Mr. Lee, na Rádio Continental. Em 1983 a banda havia lançado um compacto, gravado aqui em POA. Posteriormente, por ocasião da gravação do LP, a banda radicou-se em SAMPA. Posteriormente, Jorge Vargas voltou a POA, onde montou a banda Cavalo Doido, a qual já lançou dois CDs. O Hallai, sem dúvida, foi um dos grandes grupos dos anos 70/80, do segmento country-folk rock.

permalink

LP do Cigano  escrito em segunda 13 outubro 2008 22:30

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP do Cigano

Cigano (Durgue Costa) é um cantor que começou nos anos 60, sendo uma verdadeira lenda da noite portoalegrense, pois tocou em inúmeros bares de destaque como músico da casa. Influenciado inicialmente por Roberto Carlos e a jovem guarda, o cantor reúne influências diversas, de samba, samba-rock, soul, etc. Seu grande sucesso foi a canção “Porto City”, feita em homenagem a Porto Alegre. Até recentemente mantinha o seu próprio bar, o Bar do Cigano.

permalink

 

|

Padrão
Sem categoria

LP Mix da Glória Oliveira  escrito em segunda 13 outubro 2008 21:56

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP Mix da Glória Oliveira

Glória Oliveira foi, sem dúvida, uma das melhores cantoras já surgidas no RS, que teve muito destaque nos anos 80, especialmente. Começou fazendo backing vocal para o Giba Giba, e, ao lado de Toneco, passou posteriormente ao front line dos palcos. Um aspecto bacana é que em seu repertório ela costumava interpretar predominantemente autores gaúchos de MPB e rock (MPG, como dizem). Um de seus hits foi “Pampa de Luz” (Pery Souza-Luiz de Miranda). No início dos anos 90 a cantora foi pra Sampa e fez uma incursão no teatro musical, interpretando o papel de Carmen Miranda. Posteriormente, dando um tempo em sua carreira de cantora, passou a atuar como radialista. Na Gaúcha FM (hoje Itapema FM), ao lado de Newton Fernando, fazia um programa bem legal, no qual fui entrevistado quando do lançamento do meu primeiro CD, em 1996.

Neste “maxi” LP Glória interpretou o jingle “Vida”, feito pela dupla da Jinga Calique e Garay para campanha da RBS, que fez muito sucesso. Este jingle foi recentemente regravado pela cantora Maria Rita (filha de Elis Regina) em propaganda também da RBS.

Lp do Canto Livre  escrito em terça 14 outubro 2008 02:59

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, Lp do Canto Livre

O Canto Livre foi um grupo vocal de muito sucesso nos anos 80. Seguindo o rastro de grupos como os Almôndegas, fazendo a “fusion” entre os elementos pop e a cultura regional gaúcha, destacou-se realmente muito, conseguindo gravar dois LPs por uma “major”.

O grupo teve várias formações, mas um de seus fundadores foi o Jair Kobe, que atualmente vem fazendo grande sucesso como humorista, no papel do “Guri de Uruguaiana” (se não me engano, anteriormente ele integrou o grupo Rebenque). Na foto acima, ele é o segundo cara em pé. Chegaram a participar do conjunto também Calique, Elaine Geissler e Pedro Guisso, numa formação posterior à da foto. Vi diversas apresentações do grupo, que era realmente muito bom. Especialmente deram vazão ao trabalho do compositor Sérgio Napp.

LP Rock Grande do Sul  escrito em segunda 13 outubro 2008 22:03

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP Rock Grande do Sul

Este disco marca, sem dúvida, o lançamento do rock gaúcho dos anos 80 para o restante do país. Produzido por Tadeu Valério para a BMG, este “pau-de-sebo” reúne grupos de tendências diversas: Os Replicantes (punk); De Falla (funk, punk, hard); TNT (rockabilly); Engenheiros do Hawaii (pop rock com pitadas folk); Garotos da Rua (rock stoneano). Destas bandas, a única que já tinha uma considerável estrada então era os “Garotos da Rua”, que tinha, entre seus integrantes, músicos que já participavam da cena do rock gaúcho dos anos 70, caso de Edinho Galhardi e Bebeco Garcia (ambos foram da banda riograndina Farinha do Bruxo, e, em Porto Alegre, participaram da Barra do Porto, ao lado de Mutuca). Foi, portanto, basicamente, um disco feito por uma gurizada que estava começando, sendo um registro vivo do rock adolescente que então saía das garagens para alçar vôo em nível nacional. De todas, a que conseguiu maior projeção em termos de Brasil, sem dúvida, foram os Engenheiros.

LP Rock Garagem I  escrito em terça 14 outubro 2008 03:07

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP Rock Garagem I

Este “pau-de-sebo” foi de fundamental importância para o então nascente rock gaúcho dos anos 80. Datado de 1984, o LP (que posteriormente foi relançado em CD pela ACIT) foi produzido por Ricardo Barão, que então apresentava um programa de muito sucesso focalizando o rock na Ipanema FM, o “Centralrock”. Neste disco gravaram Garotos da Rua, De Falla, Taranatiriça, Urubu Rei, Replicantes, Moreirinha e os seus Suspiram Blues, Astaroth, Frutos da Crise, Leviaethan, Valhala (em cujo show, na Assembléia Legislativa, lá por 84, eu fui) Fluxo, mostrando um panorama bem amplo de nosso rock, do metal ao punk, do stoneano ao rockabilly, do pop ao blues, do hard ao heavy.

Fui no show de lançamento, que rolou no Araújo Vianna.

LP Música Popular Gaúcha  escrito em segunda 13 outubro 2008 22:16

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP Música Popular Gaúcha

Este Lp coletânea, lançado pela RBS Discos, dava uma boa panorâmica da MPG (Música Popular Gaúcha), conforme ficou convencionado chamar nossa MPB aqui do Sul. O show de lançamento foi no Parque Marinha do Brasil, reunindo um grande público (eu estava lá, eu vi!!!rss). Gravaram Nico Nicolaiewski (ex-Saracura, atualmente Tangos e Tragédias), Elaine Geissler, Zé Caradípia (autor do hit de Zizi Possi, Asa Morena), Suzana Mariz (ou Mares, atualmente radicada em Brasília), Giba Giba, Mauro Kwitko (cujo hit Mal necessário foi lançado por Ney Matogrosso), Gelson Oliveira, Glória Oliveira, Galileu Arruda, Niaya (cantora que integrou o grupo Opus, no início dos 80), Sá Brito (que participou do Hálito de Funcho, e depois fez dupla com Wesley Cool e Hique Gomes, do Tangos), e Nando Gross, que registrou seu hit “Porto Alegre de Quintana”. Item obrigatório pra quem quiser sacar um pouco da história da música gaúcha urbana.

Padrão
Sem categoria

LP X Víndima da Canção  escrito em segunda 13 outubro 2008 21:40

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP X Víndima da Canção

A Vindíma da Canção de Flores da Cunha, cidade serrana, de forte colonização italiana, tem como característica ser um festival que, embora tenha a referência do nativismo, mostrou-se aberto à música urbana feita em Porto Alegre (claro, meio que adaptada à estética mais campeira). O interessante é que, nesta medida, acabou se constituindo em um certame que permitiu a diversos músicos de Porto Alegre não apenas o espaço, mas inclusive a possibilidade de registrar algumas músicas nos LPs lançados do festival, o que é um fator muito auspicioso, de vez que diversos artistas participantes não chegaram a lançar discos individuais, ou, se o fizeram, tiveram uma obra discográfica reduzida em termos quantitativos.

permalink

Primeiro LP do Raiz de Pedra  escrito em segunda 13 outubro 2008 21:43

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, Primeiro LP do Raiz de Pedra

O Raiz de Pedra foi um dos principais grupos instrumentais da história da música gaúcha. Não tenho certeza se o grupo ainda continua com outra formação na Alemanha ou na Aústria atualmente. O certo é que há muito tempo vários de seus integrantes já haviam se radicado na Europa. Nos anos 80, eu via muito o pessoal do grupo no Bar Marcelina, na Cidade Baixa. Uma vez até tive a coragem (e a “falta de vergonha na cara”, porque não dizer) de mostrar uma música minha para o Márcio Tubino, o excelente saxofonista do grupo, e ele disse que eu devia continuar, ir em frente, estudar, me dedicar, que podia sair coisa ali, então ele é também de certa forma responsável pelos meus cometimentos nesta área, para o bem ou para o mal (rss). Eu costumava conversar também com o Marcelo Nadruz, o tecladista, que atualmente é o maestro da Banda Municipal de Porto Alegre. Completavam o grupo os magníficos Ciro Trindade (baixo), Pedro Tagliani (guitarra) e César Audi (bateria, este de há muito já voltou para cá, foi proprietário do Bar Cabo Horn, e toca com Luisinho Santos, Antônio Carlos Falcão – Maria Bethânia -, e participa da banda Tonda y su Combo). Este aí é o primeiro disco do Raiz, e, embora fosse predominantemente instrumental, tinha algumas faixas cantadas. Depois o grupo dedicou-se apenas ao instrumental. O segundo Lp foi gravado ao vivo no Theatro São Pedro, eu estava lá, foi muito legal. Era uma época em que havia um espaço considerável para a nossa música instrumental, que infelizmente aos poucos foi se reduzindo. O Raiz misturava jazz, música brasileira, erudito, etc., etc., criando um som muito característico, de grande complexidade e riqueza harmônica e melódica. Supimpa.

permalink

Festival Tchê  escrito em segunda 13 outubro 2008 21:45

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, Festival Tchê

Este festival Tchê era organizado pelo pessoal do jornal Tchê, e rolava no Gigantinho, reunindo os vencedores dos principais festivais nativistas do estado afora no ano. Foi uma iniciativa bem interessante no sentido de trazer à capital o que se estava fazendo nos festivais tais como a Califórnia da Canção de Uruguaiana, Coxilha Nativista, etc. O jornal Tchê tinha como linha editorial o enfoque das coisas locais da área cultural, especialmente da relação entre os agentes culturais (inclusive os urbanos) frente à questão do nativismo e da cultura gaúcha. Mas adotava uma postura bastante crítica frente ao “establishment” do nativismo, praticando uma espécie de “petismo gaudério” na área cultural (numa época em que ser PT realmente implicava em questionamento das estruturas da sociedade ou ao menos parecia questionar, pela mudança de rumos de que todos sabemos). Assim, o jornal era uma espécie de “pedra no sapato” do movimento tradicionalista gaudério e do nativismo, mas tendo o mérito de chamar a atenção (ainda que sob o viés da contestação) para a importância do cultivo das tradições gaúchas (desde que sem “bitolação” ou “reacionarismo).

permalink

LP do Cheiro de Vida  escrito em segunda 13 outubro 2008 21:48

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP do Cheiro de Vida

O Cheiro de Vida, juntamente com o Raiz de Pedra, foi um dos mais importantes grupos de música instrumental gaúchos dos anos 80/90. Era formado por grandes instrumentistas: André Gomes (baixo, filho do maestro e violinista Zé Gomes, membro do clássico grupo regionalista “Os Gaudérios”); Paulinho Supekóvia (guitarra, atualmente acompanhando o Nei Lisboa); Alexandre Fonseca (bateria, irmão do também baterista Adal Fonseca, atualmente integrando a banda de apoio do Kid Abelha); Carlos Martau (guitarra, produtor de um dos discos de Marina Lima, e técnico de PA e guitarrista de Cássia Eller); Dudu Trentin (que entrou depois, nos teclados). O grupo fazia o que se chamava como “funk jazz”, mas na verdade era uma fusion com approach roqueiro e até pop. Vi vários shows da banda aqui em POA antes do pessoal se radicar no Rio. Lembro de um no Araújo Vianna, em dobradinha com o Raiz de Pedra, e outro no Teatro Leopoldina (OSPA). Era música instrumental gaúcha que lotava auditórios e teatros. Infelizmente, Porto Alegre não oferecia maiores chances profissionais, e o grupo, a exemplo do Raiz de Pedra (que foi para a Alemanha ou Áustria, não lembro bem), também foi embora, mas para o centro do país.  Este LP foi lançado ainda aqui em POA, e recentemente foi relançado “oficialmente” em CD.

permalink

LP Geração POP  escrito em segunda 13 outubro 2008 21:53

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP Geração POP

Este foi o primeiro disco contendo gravação de Adriana Calcanhotto, ainda quando estava radicada em Porto Alegre. Na bolacha, ela registrou a música “Suspeito”, de Arrigo Barnabé, cujo clipe rodava bastante aqui nas TVs locais. Em parceria com o irmão Cláudio Calcanhotto, que era muito parecido com a cantora, o clipe explorava bem estas semelhanças, num clima andrógino.

Neste pau-de-sebo, gravou também  Duca Leindecker, antes de formar a banda Cidadão Quem.  

Figura também Pedro Guisso, ex-Mercado Livre, e participando então do Canto Livre (que também gravou neste disco), atualmente um dos sócios da Jinga.  

Marcelo Truda, grande guitarrista do Taranatiriça, também registrou neste disco um trabalho solo.

Padrão
Sem categoria

LP de Léo Ferlauto

LP Sonho Solto – Léo Ferlauto  escrito em segunda 13 outubro 2008 11:56

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP Sonho Solto - Léo Ferlauto

Léo Ferlauto, além de músico, é ator, e  no início de sua trajetória, lá pelo começo dos anos 70, teve bastante proximidade com o teatro  (aliás, uma marca sua até hoje, pois faz trilhas e participa de peças como ator). Ao que parece, seu primeiro show propriamente musical foi o “Moleque, quieto e morno” (acho que é este o título), ao lado de Bebeto Alves. Mas foi no final dos anos 70 e nos anos 80 que se dedicou de forma mais enfática em seu trabalho solo, além de participar também dos “Irmãos Brothers”, ao lado de Careca da Silva, Mutuca e Chaminé. Este disco contém músicas de Léo em parceria com Antônio Carlos Falcão e Dedé Ferlauto, dentre outros. O grande destaque mesmo é a canção “Sonho Solto”, que rodava bastante na Bandeirantes FM, embrião da Ipanema FM. Suas apresentações com banda eram bem animadas (a cantora Laura Finocchiaro, por exemplo, era backing vocal), com presença cênica e num clima alto astral e com bom humor, bem típico da virada dos 70 para os 80. Uma vez fui vê-lo tocar na recém inaugurada Casa de Cultura Mário Quintana, em apresentação em que se acompanhou ao piano. Léo fez uma “pegadinha” com o público, na qual, confesso, caí direitinho, na minha “inguinorança” de adolescência: ele disse que ia tocar uma música de Francisco Correa, compositor brasileiro radicado nos EUA. Na verdade, a música era do monstro do jazz Chick Corea, o qual, na época, eu não conhecia. Este exemplo é uma mostra do humor refinado de Léo que exala em seus shows.

Depois Léo deu uma brecada no seu trabalho próprio, passando a tocar em bandas como a dos Corações Solitários, no bar Seargent Pepper, e na banda do bar Abbey Road. Há uns anos atrás (2010?) lançou um CD novo. Léo é um dos grandes nomes da MPB gaúcha com viés pop e roqueiro.

LP Eclétiko – Deio Escobar  escrito em segunda 13 outubro 2008 01:59

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP Eclétiko - Deio Escobar

Deio Escobar é um verdadeiro “guitar hero” gaúcho. Neste disco, contudo, investiu num lance mais MPB. Líder da banda Rola Blues, que, nos anos 70, foi precursora do blues em Porto Alegre, mesclando, contudo, influências psicodélicas. Nos anos 80, Léo participou da banda “Câmbio Negro”, de hard rock, e também da Barata Oriental. Natural de Alegrete, o guitarrista foi precursor em fazer o intercâmbio com músicos do Prata, especialmente roqueiros.

Contracapa do LP do Léo Ferlauto – Sonho Solto  escrito em segunda 13 outubro 2008 16:29

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, Contracapa do LP do Léo Ferlauto - Sonho Solto

Capa do LP do Câmbio Negro  escrito em segunda 13 outubro 2008 21:32

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, Capa do LP do Câmbio Negro

O Câmbio Negro foi uma das primeiras bandas pesadas gaúchas. Embora hoje o trabalho da banda seja melhor definido pelos parâmetros do “hard rock”, como, aliás, consta do título da bolacha, na época (anos 80) o som era considerado quase um heavy metal, como denuncia o figurino da banda, cuja foto segue no próximo post. A banda reunia três “veteranos” clássicos do rock gaúcho dos anos 70: Mitch Marini (Byzarro, Garotos da Rua, Swing), Gélson Schneider (Prosexo, Byzarro, Swing), e Deio Escobar (Rola Blues, Trovão), com um então “emergente” guitarrista da cena gaúcha, Marcelo Fornazzier (The Falla, Astaroth, The Darma Lovers, etc.). O som do disco, para os padrões atuais, é bem melódico, considerando como referencial o heavy metal atual. Pode-se botar no “escaninho” do viés pesado do rock gaúcho dos anos 80, junto com o Astaroth, o Leviathan, a Valhala, dentre outras bandas.

Contracapa do LP do Câmbio Negro  escrito em segunda 13 outubro 2008 16:36

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, Contracapa do LP do Câmbio Negro

Padrão
Sem categoria

Lp música popular do Sul – gravadora Marcus Pereira  escrito em domingo 12 outubro 2008 20:39

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, Lp música popular do Sul - gravadora Marcus Pereira

No total são 4 LPs. Os Tapes e Elis Regina participam.

permalink

LP Som Grande do Sul  escrito em domingo 12 outubro 2008 20:42

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP Som Grande do Sul

permalink

LP da Annie Perec  escrito em segunda 13 outubro 2008 01:49

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP da Annie Perec

Annie Perec é uma cantora gaúcha que começou no final dos anos 60, participando dos festivais da arquitetura da UFRGS. Mas foi somente nos anos 80 que sua carreira teve maior continuidade. Ao lado da banda “Me faz um please”, a cantora apresentava-se seguidamente no bar Ocidente, Porto de Elis, etc. Depois foi pra Sampa e fez shows em casas badaladas como a Madame Satã, entre outras. Lembro de uma vez em um show de Gilberto Gil na Redenção (era só ele no violão, e um mar de povo), em que ele esqueceu a letra de “Domingo no Parque”, e perguntou à platéia se alguém sabia. Annie, que havia feito um show aqui em Porto baseado nos hits tropicalistas subiu ao palco e cantou com Gil, bem legal. A cantora lançou este LP pelo selo paulista da gravadora Eldorado. Entretanto, o som da gravação não ficou dos melhores, fato infelizmente corriqueiro em gravações pop e rock dos anos 80, o que prejudicou um pouco o registro, na minha opinião. A artista se valia de muita misancene em suas apresentações, fazendo um trabalho bem criativo e diferente. Ao que sei, a cantora atualmente está radicada na França.

permalink

LP do Saracura  escrito em segunda 13 outubro 2008 01:52

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP do Saracura

Do final dos anos 70 a meados dos anos 80 o Musical Saracura foi um dos principais grupos no cenário de Porto Alegre e gaúcho. Formado por Nico Nicolaievsky (atual Tangos e Tragédias, teclado e voz), Sílvio Marques (violão, ex- Academia de Danças), Chaminé (baixo e voz, ex- O Succo, Bobo da Corte, Hermes Aquino, etc.) e Gatinha (ex- Saudade Instantânea, Bobo da Corte, Sol e chuva), depois substituída na bateria por Fernando Pezão (ex-Mantra. Ainda integraram a banda, como “free-lancers” os guitarristas Zé Flávio (ex-Mantra, ex-Almôndegas, Os Totais) e Léo Henkin (atualmente no Papas da Língua). Misturando influências da MPB tropicalista, do rock e da música regional gaúcha (fizeram uma profícua parceria com o compositor nativista Mário Barbará, que incluiu uma temporada de shows e inclusive a participação na Califórnia da Canção de Uruguaiana), o grupo era um dos principais do cenário pop gaúcho do período. Neste disco, além de músicas de Barbará (notadamente o hit “Xote da Amizade”), registraram, dentre outras, alguns dos “clássicos” de Cláudio Levitan, tal como “Marcou Bobeira”. Deixou saudades nos fãs.

permalink

Lp Juntos – Nelson Coelho de Castro  escrito em segunda 13 outubro 2008 01:54

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, Lp Juntos - Nelson Coelho de Castro

Este LP é considerado “oficialmente” o primeiro disco independente de Porto Alegre, e data de 1980, se não me engano. O diferencial entre o que aqui no sul ficou convencionado como sendo “disco independente” e as bolachas auto-financiadas é que eram vendidos bônus pelos artistas. OU seja, mais ou menos o que atualmente o pessoal está chamando de  “crowdfunding -financiamento colaborativo de projetos”.  Esta idéia “nova”, portanto, é bem velha. Então, no caso, o Nelson vendia ao pessoal antecipadamente o disco, e com o dinheiro arrecadado, bancou a gravação e a prensagem. Naquela época, surgiram diversos discos lançados neste esquema: lembro assim, de cabeça, do primeiro disco do Nei Lisboa, que lançou o “Neilisbônus”, do LP do Carlos Patrício,  do primeiro disco do Antônio (Totonho) Villeroy e por aí vai. Mas voltando ao Nelson,

além de ser uma grande figura, talvez tenha sido quem melhor traduziu até hoje a especificidade do portoalegrense, com sua linguagem, gírias, jeito e hábitos, em suas músicas. E este disco, sem dúvida, é um dos grandes pilares de sua obra.

permalink

 
Padrão