Sem categoria

CD do Mutinho

http://livraria.folha.com.br/cds/musica-regional-brasileira/mutinho-segredo-cd-1366359.html

Anúncios
Padrão
Sem categoria

Lp do Raiz de Pedra

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, Primeiro LP do Raiz de Pedra

O Raiz de Pedra foi um dos principais grupos instrumentais da história da música gaúcha. Não tenho certeza se o grupo ainda continua com outra formação na Alemanha ou na Aústria atualmente. O certo é que há muito tempo vários de seus integrantes já haviam se radicado na Europa. Nos anos 80, eu via muito o pessoal do grupo no Bar Marcelina, na Cidade Baixa. Uma vez até tive a coragem (e a “falta de vergonha na cara”, porque não dizer) de mostrar uma música minha para o Márcio Tubino, o excelente saxofonista do grupo, e ele disse que eu devia continuar, ir em frente, estudar, me dedicar, que podia sair coisa ali, então ele é também de certa forma responsável pelos meus cometimentos nesta área, para o bem ou para o mal (rss). Eu costumava conversar também com o Marcelo Nadruz, o tecladista, que atualmente é o maestro da Banda Municipal de Porto Alegre. Completavam o grupo os magníficos Ciro Trindade (baixo), Pedro Tagliani (guitarra) e César Audi (bateria, este de há muito já voltou para cá, foi proprietário do Bar Cabo Horn, e toca com Luisinho Santos, Antônio Carlos Falcão – Maria Bethânia -, e participa da banda Tonda y su Combo). Este aí é o primeiro disco do Raiz, e, embora fosse predominantemente instrumental, tinha algumas faixas cantadas. Depois o grupo dedicou-se apenas ao instrumental. O segundo Lp foi gravado ao vivo no Theatro São Pedro, eu estava lá, foi muito legal. Era uma época em que havia um espaço considerável para a nossa música instrumental, que infelizmente aos poucos foi se reduzindo. O Raiz misturava jazz, música brasileira, erudito, etc., etc., criando um som muito característico, de grande complexidade e riqueza harmônica e melódica. Supimpa.

Padrão
Sem categoria

LP do Cigano

Blog de bandasdorockgauchoforever :bandas do rock gaúcho forever, LP do Cigano

Cigano (Durgue Costa) é um cantor que começou nos anos 60, sendo uma verdadeira lenda da noite portoalegrense, pois tocou em inúmeros bares de destaque como músico da casa. Influenciado inicialmente por Roberto Carlos e a jovem guarda, o cantor reúne influências diversas, de samba, samba-rock, soul, etc. Seu grande sucesso foi a canção “Porto City”, feita em homenagem a Porto Alegre. Até recentemente mantinha o seu próprio bar, o Bar do Cigano.

Padrão
Sem categoria

Terceiro CD de Rogério Ratner: Canções para leitores

EMAIL: Ratner@trt4.jus.br

http://www.rogerioratner.com

OUÇA O CD NO LINK ABAIXO

 

Rogério Ratner está lançando em 2016 o seu terceiro CD, com produção musical e arranjos de Ciro Moreau. O cd “Canções para leitores” contém diversos textos/poemas que musicou de escritores gaúchos: Martha Medeiros, Letícia Wierzchowski, Fabrício Carpinejar, Ronald Augusto, Cíntia Moscovich, Paula Taitelbaum, Ricardo Silvestrin, Emílio Pacheco, Celso Guttfreind e Arnaldo Sisson.

O disco conta com a participação especial das cantoras gaúchas Monica Tomasi, Lúcia Severo, Adriana Marques, Karine Cunha e Ana Krüger, e dos cantores Dudu Sperb e Rafael Brasil.

Em face deste trabalho, Rogério foi indicado ao prêmio açorianos 2016 na categoria compositor de MPB.

São dez faixas:

1) Dizer quem sou, não sei (Rogério Ratner/ Martha Medeiros), interpretada por Ana Krüger (vocalista do grupo Delicatessen)

2) Buraco (Rogério Ratner/ Paula Taitelbaum), interpretada por Lúcia Severo

3) Uma palavra a mais (Rogério Ratner/ Fabrício Carpinejar), interpretada por Dudu Sperb

4) O que você quer? (Rogério Ratner/ Ricardo Silvestrin), interpretada por Monica Tomasi

5) Diz com Jura (Rogério Ratner/ Cintia Moscovich), interpretada por Rogério Ratner

6) Elektranight (Rogério Ratner/ Emílio Pacheco), interpretada por Rafael Brasil

7) Uma palavra pra cada coisa (Rogério Ratner/ Letícia Wierzchowski), interpretada por Karine Cunha

8) Bach e Lupicínio (Rogério Ratner/ Celso Guttfreind), interpretada por Rogério Ratner

9) Uma canção antiga (Rogério Ratner/ Ronald Augusto), interpretada por Adriana Marques

10) Qualquer caminho (Rogério Ratner/ Arnaldo Sisson), interpretada por Rogério Ratner

– Além da produção musical, Ciro Moreau foi o responsável pela execução de todos os instrumentos, a gravação, a mixagem e a masterização.

– O Show de lançamento do CD ocorreu em 14/05/2016 na Livraria Cultura do Bourbon Shopping, em Porto Alegre, contando com a participação dos cantores e cantoras (com a exceção de Adriana Marques, falecida antes da finalização do disco). No show, além de Ciro Moreau, na guitarra, a banda de apoio foi completada por Mário Carvalho (baixo), Ronnie Martinez (bateria) e Luis Mauro Filho (teclado).

– O disco vem obtendo boa receptividade junto às rádios de Porto Alegre, já contando com músicas rodadas na Itapema FM, na Band News FM, na FM Cultura e na rádio da UFRGS (Universidade Federal).

– Em face deste trabalho, Rogério Ratner foi indicado para concorrer ao prêmio Açorianos de Música (organizado pela Prefeitura Municipal de Porto Alegre) na categoria de melhor compositor de MPB. O prêmio será entregue em novembro/2016.

– A carreira musical de Rogério iniciou-se no ano de 1984, apresentando-se em bares, diretórios estudantis, teatros, etc., bem como participando de shows coletivos junto a outros artistas da cena da capital gaúcha.

– O primeiro CD, “Rogério Ratner”, foi lançado em 1997, e o segundo, “Crendices Vãs”, em 2005. Nesses CDs, Rogério elaborou todas as letras e músicas, além de ter interpretado todas as canções.

– Rogério Ratner já teve músicas suas rodadas nas rádios 89FM/SP (programa Versão Brasileira); USP/FM (programa Blues Power); Imprensa FM (SP); Gazeta AM (SP); PIRAÍ FM/RJ (programa Contramão)/OI FM (SP-RJ-MG), no programa FRENTE, de Henrique Portugal, tecladista da banda mineira Skank. Também nas rádios gaúchas IPANEMA FM/ BANDEIRANTES FM/ POP ROCK FM (programa Estúdio B, atual MIX FM)/ FM CULTURA/ GAÚCHA AM E FM (ATUAL ITAPEMA e GAÚCHA FM)/UNISINOS FM/ GUAÍBA FM/ RÁDIO DA UNIVERSIDADE (UFRGS; UFPEL; FURG)/ FARROUPILHA AM, todas de Porto Alegre, e outras emissoras no interior do Estado (Pelotas, Rio Grande, Santa Maria, Lajeado, Erechim, Canela, etc.). Também nas rádios online Mundo Rock (RJ), Nocabo (RS), Buzina do Gasômetro (RS), etc.

– O clipe da música “Claro/Escuro” rodou na MTV (programa Território Nacional) e no MULTISHOW (programa TVZ). Foi apresentado também nas emissoras gaúchas RBS TV, TVCOM, TVE, BAND, TV 2 GUAÍBA, PAMPA, TV UNISINOS, TV ASSEMBLEIA e UNITV.

– Cumpre destacar também a participação de Rogério em programas televisivos tais como “Barraco” (MTV), “A Turma do Arrepio” (Rede Manchete SP), Programa Rosana Hermann (Rede Mulher, SP), Jornal do Almoço (RBS TV), Estúdio 36, Palco, Tânia Carvalho (TVCOM), Folharada Ipanema na TV, Jornal Acontece (Bandeirantes), Radar, Estação Cultura (TVE), Programa Vera Armando (TV Pampa), Programa Palavra de Mulher (Marlei Soares) (TV Guaíba), dentre outros.

– Já apresentou-se no Foyer do Theatro São Pedro (projeto Blue Jazz), no auditório do Instituto Cultural Norte-Americano, na Sala Radamés Gnatalli, no Sarau do Solar dos Câmara, no Teatro Renascença, no Salão Mourisco da Biblioteca Pública, no Café Concerto, na Sala Luis Cosme e no Teatro Bruno Kiefer da CCMQ, na Usina do Gasômetro, no Auditório Araújo Vianna, na Feira do Livro, no DC Navegantes, na Cia. de Arte, na Livraria Cultura, no Sintrajufe, na Cia de Sanduíches, no Zelig Bar, no Opinião, no Pecados Mortaes, na Sala Jazz Tom Jobim, dentre outros locais.

Em 2007 Rogério foi indicado como finalista do prêmio London Burning na categoria MPB.

 

Padrão